sábado, 15 de maio de 2010

ah,foi um beijo...




















 Flickr   gabyh



foi um beijo onde não importava a boca
tuas mãos quentes me apertando pelas costas
nada estava acontecendo na minha frente
e a ansiedade que havia não era pouca
teus dedos perguntavam pra minha blusa
se meu corpo acolheria um delinqüente
descoladas as línguas um instante
minha resposta saiu um tanto rouca

Martha Medeiros

10 comentários:

Priscila Rôde disse...

Que perfeito.. :)

Pelos caminhos da vida. disse...

Um ótimo fim de semana pra vc amiga.

beijooo.

Marcela Alves disse...

Nossa, esses momentos sao tao bons rsrsrs

Solange Maia disse...

e nessas horas o mundo para...

que delícia !

beijo

disse...

lindo *_*

Camila disse...

Uau, mais expressico, impossivel!
Estava com saudade desse cantinho;

beijos flor! *-*

Rosemildo Sales Furtado disse...

Um belo poema. Muito profundo.

Beijos e ótimo domingo.

Furtado.

Paulo Tamburro disse...

LUCIANA,
quem ama vive desbotando as cores da sua alma só repintá-las com cores mais forte.


Não admite que uma só fio de cabelo se pareça inconstante ,desarrumado, desalimhado, ela quer perfeição, o gosto suave das frutas e sempre olha para o céu sem sentir inveja das estrelas.

Esta é a mulher que ama.

Ela constrói castelos sobre rocha firma,areia movediça ou pantanal de ilusões , não importa ela está ali cnstruindo, e nem ela sabe bem o que.

Um abração carioca.

PS. Visite meus blogs. Obrigado.

Luh disse...

Bom eu adoro seu blog... é incontestavel! parabéns! bjim

Becca (Flor) disse...

Amo a Martha...